Entenda o que influencia o valor do metro quadrado do imóvel

Tempo de leitura: 5 minutos

Você sabe como o valor do metro quadrado do imóvel é calculado? O mercado imobiliário tem vários aspectos que podem influenciar no preço final de um imóvel para compra ou venda, como a localização, o tamanho e o custo do metro quadrado.

O valor médio do metro quadrado na região em que você quer comprar é um ótimo indicador para saber se a propriedade está dentro do orçamento ou se é um bom investimento.

Continue lendo este post para entender melhor o que influencia o valor do metro quadrado do imóvel e ver exemplos disso em imóveis de Belo Horizonte.

Localização é um dos fatores mais importantes

Este é um dos principais pontos que determina o valor de uma propriedade. A maioria das pessoas prefere morar perto de onde trabalham e estudam, como forma de melhorar a qualidade de vida.

É por isso que os bairros que são próximos ao centro da cidade, ou que ficam perto de centros comerciais, hospitais, escolas e faculdade, são mais procurados e mais valorizados.

Enquanto bairros mais distantes do centro, onde os moradores precisam caminhar muito para chegar a um centro de comércio ou a lugares que têm difícil acesso a outros pontos da cidade, os preços são baixos.

Os valores do metro quadrado também podem variar dentro de um mesmo bairro, de acordo com o perfil de cada rua. Veja outras características na localização que podem interferir na valorização de um imóvel:

  • índices de criminalidade;
  • presença de bares e casas noturnas;
  • existência de estádios, ou igrejas, que podem provocar barulho e trânsito.

Um imóvel muito próximo a aeroporto, rodovia ou via férrea, pode ocasionar aumento de poluição sonora, além de preocupações com pó, trânsito e a grande aglomeração de pessoas.

A segurança do imóvel também é um fator importante. Uma propriedade que tem câmeras de segurança, portaria 24 horas, chave de porta com segredo, ou outras ferramentas para aumentar a segurança dos moradores modifica o preço final.

Idade e conservação do imóvel também influenciam

Essa é uma das primeiras dúvidas que surgem quando decidimos comprar um imóvel: é melhor adquirir novo ou usado? Existem vantagens e desvantagens em escolher qualquer uma das opções.

Entretanto, imóveis novos podem ser até 30% mais caros do que os imóveis usados. Enquanto os imóveis usados possuem tamanho maior, as plantas dos imóveis mais novos costumam ser melhor aproveitadas.

Até mesmo o andar em que o imóvel está localizado interfere no valor, os andares mais baixos são menos procurados e tendem a ter um preço mais baixo. Também é importante observar se o imóvel recebe a luz do sol pela manhã, se tem elevador, garagem com portão automatizado, se tem área de lazer.

Conheça alguns fatores de conservação que são avaliados:

  • parte elétrica e hidráulica;
  • limpeza interna e externa, se for apartamento;
  • rachaduras;
  • qualidade da pintura.

Imóveis em regiões históricas são mais valorizados

Quem não quer morar em uma região que é importante historicamente para a cidade? É por isso que o metro quadrado das regiões históricas da cidade é mais valorizado.

Em Belo Horizonte, por exemplo, a região da Savassi, segundo levantamento do VivaReal realizado em maio de 2017, tem o preço médio de R$ 11.667/m².

A Savassi faz parte da história da cidade, possui diversos pontos turísticos, e é conhecida por movimentar a vida boêmia e cultural de BH. Ela ocupa o primeiro lugar entre os bairros com o metro quadrado mais caro da cidade para comprar, confira quais são os outros:

  • Santo Agostinho: R$ 10.944;
  • Funcionários: R$ 10.360;
  • Lourdes: R$ 9.788;
  • Vila da Serra: R$ 9.280;
  • Belvedere: R$ 9.155;
  • Carmo: R$ 8.711;
  • Sion: R$ 7.333;
  • Anchieta: R$ 7.190;
  • Luxemburgo: R$7.059.

O que se vê da janela do imóvel também influencia em seu preço. Imóveis que ficam em frente a praças, parques e áreas verdes são melhor valorizados. Segundo o consultor de empresas da área imobiliária Sylvio Lindenberg, a vista pode interferir em cerca de 4% no valor do imóvel.

Lei da oferta e procura também modifica o preço

Se a busca por imóveis é muito grande em um bairro, a tendência é que o valor das propriedades aumente. Principalmente, como é o caso da Savassi e de outros bairros da região centro-sul de BH, se existem poucos terrenos disponíveis.

Caso não exista mais para onde a região crescer, o valor dos imóveis tende a aumentar, da mesma forma que a procura e a oferta.

Na mesma medida que um bairro desvalorizado, longe da região central, com muitos terrenos, casa e apartamentos à venda, os valores tendem a diminuir para conseguir competir e vender.

Saiba como usar o valor do metro quadrado do imóvel para calcular o valor final

Para descobrir qual é o preço médio para comprar um imóvel em uma região é muito simples: basta multiplicar o valor do metro quadrado do imóvel pelo seu tamanho.

Veja um exemplo: Se a sua região de interesse for a Savassi, que como já vimos tem o metro quadrado com o valor médio de R$ 11.667, e você quiser comprar um imóvel de 50m², saiba que o valor final médio da propriedade será de  R$ 583.350.

Como vimos, são vários os fatores que influenciam o valor do metro quadrado. É importante saber qual é o valor médio praticado na região do seu interesse para poder negociar melhor e fazer melhores investimentos.

Afinal, se estiverem oferecendo um preço muito acima da média do valor do metro quadrado da região, você poderá questionar e, quem sabe, conseguir um desconto. Uma dica legal é ter a ajuda de uma empresa especializada para fazer a comparação com mais precisão.

Gostou de saber mais sobre o que influencia o valor do metro quadrado do imóvel? Comprar um imóvel é algo muito importante e que precisa ser muito bem planejado. Pesquisar é fundamental para não ter experiências desagradáveis. Nos acompanhe nas redes sociais para ficar por dentro de tudo o que acontece no mercado imobiliário!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *