Vai aumentar a família? Veja as dicas para escolher o imóvel certo

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

Sua família está aumentando. E agora? Se seu imóvel atual dá conta de receber quem vem aí, tudo bem, mas, e se com a chegada do novo familiar, as coisas ficarem um pouco apertadas? O ideal será encontrar outro lugar para viver, concorda?

Por esse motivo, listamos algumas dicas para você encontrar o imóvel correto. Afinal, quando a família cresce, é importante escolher o lugar ideal, que ofereça conforto e praticidade para cada membro do seu núcleo familiar.

Veja dicas de como transformar essa possível dor de cabeça em uma experiência super agradável!

Do que sua família precisa?

Acabamos de citar um exemplo em que a necessidade de trocar de imóvel apareceu, não é? Pois é por isso que é importante listarmos as necessidades na busca de um novo espaço. E quando falamos em listar, o ideal é fazer uma lista física. Pegue um papel ou anote no celular ou no computador, mas deixe registrado de forma que você possa ir lembrando e atualizando essa relação de necessidades.

Lembre-se, aqui estamos falando do que é primordial, por exemplo, se na sua casa existe um casal e 3 filhos, vai ficar difícil morar em um apartamento 3 quartos. Então, é necessário que sejam no mínimo 3 quartos e 2 banheiros, certo? Além disso, se 2 pessoas na casa dirigem e têm seus próprios carros, também será necessário ter 2 vagas na garagem.

Quando concluir a listagem do que é indispensável no seu novo lar, vem a parte mais divertida: pensar no que você quer.

O que sua família quer?

Foto 1 - O que sua família quer (post vai aumentar a família)

Agora, vamos continuar a colocar no papel tudo aquilo que você e sua família procuram encontrar nesse novo imóvel, das obrigações do dia a dia às situações de lazer.

Vocês gostam de praticar esportes? Preferem estar próximos à natureza? Trabalham fora? Ficam em casa o dia todo? Seus filhos estão na mesma idade escolar? E na hora da diversão, gostam de shoppings, de cinemas, de clubes? Praticam esportes?

Também é legal pensar nas coisas que você gostariam de ter na nova casa, como uma varanda (quem sabe até uma varanda gourmet?), uma cozinha integrada com a sala (chamamos de cozinha americana), um closet, uma banheira de hidromassagem e assim por diante. Assim você vai conseguir modelar seu imóvel ideal antes de começar a busca. Talvez você goste muito de receber os amigos em casa, mas quer uma área aberta, então um apartamento com área privativa, uma cobertura ou mesmo uma casa seriam ideais. Ou talvez o mais importante seja a localização, ou mesmo o tamanho dos cômodos, e por aí vai.

Todos esses pontos (e muitos outros) devem ser levados em consideração na hora de escolher uma nova moradia. Discuta com seus familiares as possibilidades e escolha aquele imóvel que atenda a maior parte das demandas do casal e dos filhos. Para ajudar nessa escolha, uma imobiliária de confiança pode ser fundamental.

Qual o tipo de imóvel?

Após definir as diretrizes gerais, é hora de apontar qual tipo de imóvel vocês estão buscando. Casa? Apartamento? Condomínio? O casal deve pensar no espaço que precisam e na praticidade que querem.

Algumas pessoas preferem edifícios pela facilidade de não ter que se preocupar com a manutenção da área externa, pela conveniência de garagens cobertas e áreas de lazer equipadas. Outras gostam do clima de casa, que demanda alguma dedicação à área externa, jardinagem, área de lazer.

Um meio termo interessante é escolher condomínios, que dividem a responsabilidade pela manutenção, ao contratar funcionários para manter as áreas comuns, enquanto você cuida do seu próprio espaço. Não se esqueça de perguntar se seu novo imóvel aceita animais de estimação, caso já os possua ou tenha planos de adotar algum.

Pense que esta moradia pode ser o lugar de crescimento e desenvolvimento da sua família até seus filhos saírem de casa. Vale a pena investir algum tempo nessa procura, concorda?

Como deve ser a região?

Foto 3 - Qual a região (post vai aumentar a família)

Quem está pensando em aumentar a família, deve pensar nas atividades do seu dia a dia. Vocês preferem a conveniência de ter comércio e serviços perto de casa? Ou preferem um lugar mais afastado? A escolha do bairro deve ser guiada pela rotina familiar, pelo local de trabalho, pela escola dos filhos ou pelos momentos de lazer.

Pergunte aos amigos e aos familiares sobre os bairros em que moram e veja quais se encaixam mais às suas necessidades. Visite os bairros em horários diferentes para entender se há algum momento do dia em que o trânsito ou a movimentação pode ser ruim.

Não se esqueça de checar se seu futuro bairro é palco de grandes eventos da cidade ou se está na rota destes eventos. Algumas pessoas gostam de aproveitar esta comodidade de estar a alguns passos de um grande show ou de uma festividade popular, mas outras preferem garantir a tranquilidade escolhendo um local mais distante.

Ah, outro indicador importante para a escolha do bairro é o valor que você pretende investir. Dê uma pesquisada na internet e veja como estão os preços na região que gosta. Isso ajudará a balizar a localização ideal em todos os sentidos.

Depois destas dicas, encontrar o lugar ideal ficou muito mais simples, certo? E você? Já passou por esta experiência? Ou está passando por ela neste momento? Compartilhe sua história nos comentários no post!

está na hora de se mudar?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *